segunda-feira, 23 de maio de 2011

SALAZAR - O HOMEM INCOMPREENDIDO

««O irregular e promíscuo funcionamento dos poderes públicos é a causa primeira de todas as outras desordens que assolam o País.»»

««Independentemente do valor dos homens e das suas intenções, os partidos, as facções e os grupos políticos supõe ser, por direito, os representantes da democracia. Exercendo de facto a soberania nacional, simultaneamente conspiram e criam entre si estranhas alianças de que apenas os beneficiários são os seus militantes mais activos.
A presidência da república não tem força nem estabilidade.
O parlamento oferece constantemente o espectáculo do desacordo, do tumulto, da incapacidade legislativa ou do obstrucionismo, escandalizando o país com o seu procedimento e a inferior qualidade do seu trabalho.»»

Oliveira Salazar

Sem comentários: